Frango no balde

6 dicas infalíveis sobre essa tendência!
Mariana Moraes - Jornalista formada pela Unisinos, roteirista e especialista na elaboração de materiais ricos.
Escrito porMariana Moraes

Jornalista formada pela Unisinos, roteirista e especialista na elaboração de materiais ricos.

Frango no balde é a nova tendência de comida rápida!

O delivery de frango frito no balde é uma tendência que só cresce na indústria alimentícia e que a cada dia ganha mais adeptos. Saiba como faturar usando esse trend!

É impossível se referir a esta comida sem lembrar do KFC, que surgiu em 1952 e, desde então, inspirou outros empreendedores.

Assim como roupas e sapatos, a comida e as opções de investimento também passam por tendências. E cabe a você aproveitá-las!

O frango no balde surgiu com uma nova onda que vem fazendo muito sucesso por onde passa.

Um fast food com a cara do Brasil é sempre uma boa oportunidade que vale a pena ser conhecida e você precisa saber mais detalhes sobre este empreendimento. 

Confira abaixo 6 dicas para apostar no típico, mas também moderno, frango frito!

Mas antes, baixe grátis o e-book que a Saipos criou com "5 Dicas para Divulgar seu Restaurante e Aumentar suas Vendas"! Aperte no banner e faça download agora mesmo!

1. Frango no Balde: Vale a pena?

Todo o negócio pode valer a pena se você souber exatamente como trabalhar e investir seu dinheiro. E com o frango no balde não é diferente.

O frango é um tipo de carne muito consumida no Brasil, então, se houver uma boa produção e escolha de produtos, certamente valerá a pena o investimento. 

Para que seu frango no balde engrene da maneira correta, você precisa fazer, antes de tudo, um plano de negócios.

Portanto, é necessário escolher o local, decidir o horário de atendimento, investimento disponível, alvará, tipo de negócio, entre outros fatores muito importantes também.

Um planejamento serve para você organizar todas as suas ideias e mapear todo o seu processo

Assim, é um documento que descreve os objetivos de um negócio e quais passos devem ser dados para que essas metas sejam alcançadas, diminuindo os riscos e as incertezas. 

É maneira de identificar e restringir seus erros no papel, ao invés de cometê-los no mercado. 

Um plano de negócios vai ajudar a visualizar se a sua ideia de frango no balde é viável e, se for, pode trazer informações mais detalhadas sobre o seu ramo, os produtos e serviços que irá oferecer.

Além dos clientes, concorrentes, fornecedores e, principalmente, dos pontos fortes e fracos do seu negócio.

Qual o primeiro passo?

Preparamos um resumo com os principais pontos do plano de negócio do seu frango no balde que precisam ser respondidos. Confira!

  • O que é o seu negócio?
  • Quais os principais produtos e/ou serviços?
  • Quem serão seus principais clientes?
  • Onde o frango no balde estará localizado; 
  • O montante de capital a ser investido; 
  • Qual será o faturamento mensal; 
  • Que lucro espera obter do negócio; 
  • Em quanto tempo espera que o capital investido retorne. 

É importante ter em mente também que, em geral, as pessoas costumam comer pratos como este quando estão com amigos, então faça quantidades grandes ou combos.

Leve em consideração o preço médio dos seus ingredientes e seu tempo de preparo, e entenda que esses valores são diferentes de estado para estado.

Se você cobrar um valor que não condiz com o custo de vida do seu estado, corre o risco de falir, portanto tenha atenção.

 

2. Qual o cardápio para frango no balde?

O próprio modo de preparo desse prato é simples de fazer. Basta apenas selecionar as partes que deseja trabalhar, temperar com o seu ingrediente secreto, empanar e fritar.

O ideal é montar um cardápio com várias opções, com cortes diferentes da carne ou até de outros tipos. Inovação é sempre bom, principalmente neste meio.

É bem comum também encontrar tamanhos diferentes dos baldes de frango, então aposte nisso. Ofereça quantidades diferentes, que consigam atingir vários clientes.

Mas, para que seu restaurante de frango no balde faça sucesso, aposte nos combos.

Isso porque pode ser consumido por uma pessoa apenas ou, também, por grupos de amigos e família.

Portanto, baldes com uma quantidade considerável, com molhos de acompanhamento, são ideias para seu negócio.

Frango crocante, sobrecoxa desossada, coxinha de asa… São muitas opções de venda!

Além disso, você pode fazer um combo com frango no balde + batata frita + refrigerante. Certamente a clientela vai adorar!

Como colocar frango no balde no meu cardápio?

Se você já possui um restaurante delivery, seja marmitex ou um delivery lanches, existem diversas maneiras de colocar o frango frito no seu cardápio. Confira algumas ideias!

Em uma hamburgueria, um burger de frango frito bem crocante pode ser uma ótima oportunidade de se destacar entre os concorrentes diretos.

Mas caso você tenha um delivery marmitex, saiba que é possível colocar no cardápio bifes à milanesa, ou porções adicionais de coxinha da asa ou peito frito.

Além disso, dar ao seu cliente a possibilidade de acrescentar adicionais é muito bom também para o seu financeiro. 

Isso porque dessa maneira, por um valor de custo pequeno, você aumenta seus lucros.

3. Um plano de marketing eficaz para frango no balde

Seu negócio de frango no balde é uma tendência que tem se destacado cada vez mais no mercado.

Por isso, é bom ter um plano de marketing eficaz para que a divulgação do seu restaurante comece a bombar rapidamente.

Comece com três etapas: a criação do plano, a implementação desse planejamento e a avaliação dos resultados.

Com os dados da análise, a estratégia pensada pode ser mantida, aprimorada ou mudada, iniciando novamente outro ciclo de planejamento, implementação e avaliação. 

Sendo assim, o plano de marketing perfeito está em constante mutação.

3.1 Analise a concorrência

Existem restaurantes de frango no balde na sua região? Eles fazem sucesso? Como divulgam seus trabalhos?

Analise a interação desses concorrentes com os clientes e as promoções que oferecem.

Lembre-se que não há nada de errado em coletar ideias naquilo que já dá certo em seu segmento. 

Portanto, avalie a concorrência e pense sobre como adaptar estratégias para sua realidade.

3.2 Defina quem compra em seu restaurante

Você precisa definir sua persona, ou seja, o cliente que tem as características específicas para comprar no seu restaurante.

Isso é importante para segmentar suas estratégias de marketing, pois conhecendo seu freguês você sabe como agradá-lo, assim como conquistar novos com o mesmo perfil.

É importante lembrar que seu restaurante não vende para todo mundo, ele funciona para pessoas que têm gostos específicos, interagem de uma determinada maneira e têm interesses especiais.

Por exemplo, se sua persona é um adolescente de classe média, você pode se comunicar por meio de memes nas redes sociais, para atrair e compartilhar.

Agora, caso seja uma mãe que gosta de refeições à mesa, promoções de combos e descontos por quantidades maiores serão atrativos. 

Então, crie sua persona! Isso é importante para definir seu funil de vendas e o que é uma oferta valiosa para ela.

3.3 Crie um plano de ações

Você pode marcar presença em todas as redes sociais, porém, seus clientes talvez usem mais apenas uma ou duas delas.

Se você já tem uma persona definida, os canais em que será prioritário investir ficam bem mais claros. 

Eles são ativos no Facebook? Estão sempre no feed do Instagram? Gostam de pedir pelo WhatsApp? Invista mais tempo e atenção nesses canais!

Você pode ter o site próprio do seu frango no balde. Isso é um ótimo canal de vendas para seu negócio.

Quem usa o Sistema da Saipos pode optar por adquirir o Site Delivery, uma ferramenta que constrói o site próprio do seu restaurante, totalmente personalizado!

Aperte no banner abaixo para saber mais sobre essa funcionalidade exclusiva!

4. Como montar um delivery de frango no balde?

Para montar um delivery de frango no balde não é necessário investir muito, mas é bom ir atrás de um local amplo, até porque você vai precisar de uma cozinha potente para dar conta dos pedidos.

Inclusive, se você não tiver tanto dinheiro para investir e administrar um restaurante delivery, pode começar em casa mesmo. O que conta é a qualidade do seu atendimento e do seu frango no balde.

Independente do local, monte uma área na qual você consiga se movimentar e que caibam todos os equipamentos necessários para o trabalho.  

Você também deve prover embalagens de delivery de frango no balde que atendam às necessidades do seu produto.

Baldes resistentes, com a marca do seu delivery e que tenham facilidade para que o motoboy entregue o lanche para seu cliente.

Não esqueça de fazer parte dos aplicativos de entrega, como iFood e Uber Eats. Apesar das taxas sobre seus pratos, eles fazem seu delivery ser divulgado com mais facilidade.

Por ser considerado um fast food, o serviço de frango no balde dá super certo como entrega rápida.

Portanto, investir em um delivery desse segmento é um tiro certeiro, então invista na divulgação para que seu restaurante venda cada vez mais!

5. Como se tornar um franqueado KFC?

Quem se interessou pelo frango no balde, ainda pode investir nas franquias do KFC, que é a principal referência no mercado quando se trata deste prato.

De acordo com a empresa, existem algumas etapas que o investidor precisa cumprir para adquirir a sua franquia. Ao todo são cinco passos para fechar a parceria com a empresa. Confira abaixo:   

  • Passo 1: Entre em contato através do e-mail kfcfranquias@yum.com falando a respeito do seu interesse de se tornar um franqueado da marca. Em seguida, a equipe do KFC entrará em contato pedindo uma apresentação sua em Power Point;
  • Passo 2: A apresentação será avaliada pela equipe da empresa, que é composta pelos membros da diretoria;
  • Passo 3: Caso a apresentação seja aprovada, ela vai para o comitê internacional;
  • Passo 4: Em um prazo de até 30 dias você será avaliado. Os pontos principais observados são: perfil, histórico e situação financeira;
  • Passo 5: Depois da aprovação com a matriz e auditoria pelo jurídico, você receberá uma carta de aprovação, que é o chamado Circular de Oferta de Franquia (COF).

Quanto custa uma franquia KFC?

Para investir nas franquias de frango no balde do KFC é preciso ter em mente o tamanho da loja que deseja montar.

O valor varia de acordo com a localização e extensão da loja, então quanto maior ela for, mais dinheiro será preciso desembolsar.

Conforme as informações da marca, inicialmente, é preciso investir cerca de R$ 1.500.000. Este valor é referente a uma franquia Food Court/Chick, que são os restaurantes a partir de 55 m².

O tamanho da quantia se deve ao valor de construção é de R$ 800.000, a taxa de franquia, que fica em R$ 48.000 e a compra do maquinário, que custa R$ 400.000.

Mesmo com todas essas informações, é indicado analisar se realmente terá como manter e investir na franquia da marca.  

6. Tenha um sistema de gestão ideal para seu frango no balde!

Um sistema para restaurante, como o da Saipos, pode ajudar o seu negócio porque irá facilitar a rotina.

Isso acontece por ser um programa simples, que só precisa de poucos cliques para realizar as tarefas.

Ma o software não vai ajudar somente no aumento das vendas. Ele irá cooperar na organização do atendimento, evitando fraudes, além de outras funções, como:

Integrações com aplicativos de delivery Impressão de Comandas
Otimização da gestão e redução de custos Diferentes Módulos de Vendas
Mais facilidade para o atendimento Gestão de Garçons
Melhoria da comunicação Gestão de Motoboys

Interessante, não é? Aperte no banner abaixo para agendar uma demonstração grátis com um de nossos consultores e conferir outras funcionalidades da Saipos!