ASSINE A NEWSLETTER • Mantenha-se atualizado sobre as novidades do food service. Quero assinar

📰 ASSINE A NEWSLETTER 📰 Mantenha-se atualizado sobre as novidades do food service. Quero assinar

Entenda o que é o ESG?

O pacto global faz parte de várias medidas ambientais, sociais e de governança

O termo ESG significa: Environmental, Social and Governance - em tradução livre: Ambiental, Social e Governança.

Nos últimos anos, essa sigla vem aparecendo cada vez mais em diversas plataformas. Ela se tornou uma forma de definir se as operações das empresas são socialmente responsáveis, sustentáveis e corretamente gerenciadas. 

Isso porque as questões ambientais, sociais e de governança passaram a ser consideradas essenciais nas análises de riscos e nas decisões de investimentos, colocando forte pressão sobre o setor empresarial. 

Quais os princípios do ESG? 

Nos últimos anos, o impacto das empresas no meio ambiente e na comunidade ficou ainda mais evidente, e a cobrança por ações de sustentabilidade tem se tornado maior.

As pessoas estão cada vez mais preocupadas com questões relacionadas à responsabilidade social e com a postura das empresas frente a elas, fazendo com que as instituições ampliem suas perspectivas para além das métricas financeiras e passem a considerar seus impactos financeiros, sociais e ambientais.

A preocupação com as questões ambientais, sociais e de governança (ESG) começa a estourar a bolha do mundo corporativo e aparecer na vida das pessoas. Dentre os três pilares, o ambiental é o mais lembrado pelo brasileiro na hora de decidir se relacionar com uma marca.

É muito importante você entender todos os fundamentos do ESG para buscar adequar quais são as melhores práticas que você pode implantar no seu bar ou restaurante. 

“Investir nisso, significa não apenas fazer sua parte para o planeta, mas mostrar para seu cliente final que se importa com a origem de produção de todos os seus itens,” explica o CEO da Saipos, Bruno Tusset.

O que cada letra representa

  • Environmental ou Ambiental: refere-se às práticas corporativas voltadas ao meio ambiente, por exemplo, debate sobre aquecimento global, diminuição da emissão de carbono, poluição do ar e da água, desmatamento, gestão de resíduos, entre outros. 
  • Social: está relacionado à responsabilidade social e ao impacto da empresa em prol da comunidade como respeito aos direitos humanos e às leis trabalhistas, diversidade da equipe, segurança no trabalho, proteção de dados e privacidade, envolvimento com a comunidade, investimento social privado, entre outros. 
  • Governance ou Governança: está ligado às políticas de administração da empresa como a conduta corporativa, composição do conselho, práticas anticorrupção, existência de um canal de denúncias, auditorias, entre outros.

Agora que você já conhece sobre o que é e como funciona o ESG é preciso olhar para seus princípios e entender como pode praticá-lo no diariamente. 

Você pode começar com duas perguntas: 

  1. A minha empresa está em conformidade com os Dez Princípios do Pacto Global?
  2. A minha empresa tem projetos que contribuem para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU?

Sabemos que elas parecem perguntas complexas, mas a ONU elencou esses princípios e projetos de forma bem simples. Assim, você pode adaptar para o dia a dia do seu restaurante. 

Abaixo os 10 princípios separados pelas áreas impactadas pelas suas ações

DIREITOS HUMANOS

 

1. Respeitar

Apoiar os direitos humanos reconhecidos internacionalmente na sua área de influência

2. Assegurar

A não participação da empresa em violações dos direitos humanos

 

TRABALHO

 

3. Apoiar

A liberdade de associação e reconhecer o direito à negociação coletiva

4. Eliminar

Todas as formas de trabalho forçado ou compulsório

5. Erradicar

Todas as formas de trabalho infantil da sua cadeia produtiva

6. Estimular

Práticas que eliminem qualquer tipo de discriminação no emprego

 

MEIO AMBIENTE

 

7. Assumir

Práticas que adotem uma abordagem preventiva, responsável e proativa para os desafios ambientais

8. Desenvolver

Iniciativas e práticas para promover e disseminar a responsabilidade socioambiental

9. Incentivar

O desenvolvimento e a difusão de tecnologias ambientalmente responsáveis

 

ANTICORRUPÇÃO

 

10. Combater

A corrupção em todas as suas formas, incluindo a extorsão e o suborno

 

Além dos princípios, você pode pensar em projetos que contribuam para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU.

Qual é o impacto do ESG no Food Service brasileiro?

Assim como em outros setores, o ESG vai se disseminar cada vez mais no food service. Com a inflação em alta, as empresas devem repensar processos e rever onde há mais desperdício.

Atuar de acordo com padrões ESG amplia a competitividade do setor empresarial, seja no mercado interno ou no exterior.

Para você, dono ou dona de restaurante, preocupar-se em fazer sua parte dentro desse Pacto Global é essencial.

No Brasil, fundos de investimentos do ESG captaram R$ 2,5 bilhões em 2020 – mais da metade do valor veio de fundos criados nos últimos 12 meses. Esse levantamento foi feito pela Morningstar e pela Capital Reset.

O que dizem os especialistas

Para Maisa Lopes, fundadora da Chef Planet e parceira da Saipos, a importância de implantar práticas presentes no ESG é fundamental para a saúde do negócio e porque o consumidor busca cada vez mais empresas conscientes

"ESG se refere a uma mudança de pensamento sobre o papel da empresa e sua forma de impactar na sociedade, isso vem ganhando força devido às grandes transformações tecnológicas, climáticas e sociais que estamos passando,” destaca Lopes.

Além disso, ela explica que, ao longo do tempo, enxerga o ESG ganhando mais força dentro do Brasil, pois são pautas que precisamos incluir nos negócios.

“Um exemplo é entender e divulgar para seus clientes a produção, a forma de extração e cuidados com seus insumos, conhecer mais do seu produtor e se estão dentro da norma ambiental. Essa é uma forma de trazer essa consciência”, diz Maísa.

Qual é a diferença entre ESG e ASG?

ESG é uma sigla em inglês que significa environmental, social and governance, e corresponde às práticas ambientais, sociais e de governança de uma organização. O termo foi criado em 2004 em uma publicação do Pacto Global em parceria com o Banco Mundial, chamada Who Cares Wins.

Foi uma provocação feita pelo secretário-geral da ONU a 50 CEOs de grandes instituições financeiras Ele queria saber sobre como seria possível integrar fatores sociais, ambientais e de governança no mercado de capitais.

ASSINE A SAIPOS NEWS
ASSINE A SAIPOS NEWS
Tenha acesso às principais notícias de food service, gastronomia, delivery e gestão de bares e restaruantes.
QUERO RECEBER A NEWSLETTER
Daniela Tremarin - Jornalista, fascinada por empreendedorismo, marketing digital e inovação. Responsável por informar o que há de novo no food service.
Escrito porDaniela Tremarin

Jornalista, fascinada por empreendedorismo, marketing digital e inovação. Responsável por informar o que há de novo no food service.

Assine nossa Newsletter