🍕 MÊS DA PIZZARIA INTELIGENTE • Dono de pizzaria, ganhe um kit de conteúdo e desconto exclusivo. EU QUERO!

🍕 MÊS DA PIZZARIA INTELIGENTE • Dono de pizzaria, ganhe um kit de conteúdo e desconto exclusivo. EU QUERO!

Quem precisa usar o SAT fiscal?

Stêvão Limana - Jornalista graduado pela UFSM, repórter da NDTV/Record TV em Blumenau (SC) e redator SEO da Saipos.
Escrito porStêvão Limana

Jornalista graduado pela UFSM, repórter da NDTV/Record TV em Blumenau (SC) e redator SEO da Saipos.

SAT fiscal e suas especificidades

O SAT fiscal surgiu como uma forma de facilitar o envio de informações para a Secretaria da Fazenda. Atualmente disponível em São Paulo, o sistema documenta operações comerciais de maneira digital.

Dessa forma, substitui equipamentos ECF (Emissores de Cupom Fiscal), gera os CF-e-SAT (Cupons Fiscais Eletrônicos) e comunica rapidamente ao órgão responsável.

Isso torna as obrigações fiscais do seu restaurante mais claras, automatizadas e regularizadas.

Veja o que você encontrará neste artigo:

Mas, antes de entrarmos nesses assuntos, a Saipos preparou um e-book especial sobre Fluxo de Caixa que pode ajudar você a organizar o dinheiro que entra e sai do seu bar ou restaurante. É só apertar no banner abaixo para acessar!

O que é SAT?

SAT ou Sistema Autenticador e Transmissor de Cupons Fiscais Eletrônicos, é um equipamento usado para documentar as operações comerciais.

Ele chegou para substituir o ECF – Emissor de Cupom Fiscal, gerando e autenticando as SAT CF-e, e enviando via internet as informações diretamente para a Secretaria da Fazenda.

Dessa forma, as informações não são perdidas, e isso reduz a possibilidade de fraude e de sonegação fiscal.

Atualmente, o aparelho é utilizado apenas no estado de São Paulo, mas existe a possibilidade de que outros locais, como Santa Catarina e Ceará, passem a adotar o sistema.

O SAT tem validade jurídica garantida pela assinatura de um certificado digital.

Como usar o SAT fiscal?

Para usar o SAT, basta o lojista emitir a nota para o consumidor, periodicamente ou diariamente, como deseja a Secretaria da Fazenda.

Desse modo, é preciso conectar o equipamento à internet para que seja feita de forma automática a transmissão das notas para o fisco.

Todavia, se você deseja otimizar o serviço no seu estabelecimento, talvez seja interessante contratar também um sistema de gestão.

Se caso seu restaurante ainda não tiver um sistema que facilite a conexão com o SAT fiscal, a Saipos oferece esse serviço.

Além disso, o somos integrados aos aplicativos de delivery iFood, Uber Eats e Rappi.

 

Quem é obrigado a usar o SAT fiscal?

A obrigatoriedade do uso do SAT fiscal, segundo o site da Secretaria da Fazenda de São Paulo, está disposta na tabela abaixo.

Desse modo, este é o resumo das regras de obrigatoriedade atualizada pela Portaria CAT-92 de 13/08/2015:

Data Hipóteses de obrigatoriedade
1º/07/2015
  • Novos estabelecimentos
  • ECFs que tenham mais de 5 anos desde a primeira lacração, para as seguintes CNAEs: 4731800, 4771701 e 4781400;
  • Contribuintes que utilizavam SEPD em substituição ao ECF.
1º/08/2015
  • ECFs que tenham mais de 5 anos desde a primeira lacração, para as seguintes CNAEs: 5611201, 5611203 e 4744005.
1º/09/2015

ECFs que tenham mais de 5 anos desde a primeira lacração, para as seguintes CNAEs: 4782201, 4721102, 4530703, 4772500, 4789099, 4729699, 4722901, 4744099, 4713001, 4771702, 4721104, 4774100, 4761003, 4753900, 4744001, 4754701.

1º/10/2015

Demais CNAEs cujos ECFs que tenham mais de 5 anos desde a primeira lacração, exceto 4711301, 4711302 e 4712100.

1º/01/2016
  • Em substituição à Nota Fiscal de venda a consumidor (mod 2) para os contribuintes que faturaram R$ 100 mil ou mais em 2015;
  • Postos de combustível, em substituição à Nota Fiscal de venda a consumidor (mod 2).
  • ECFs que tenham mais de 5 anos desde a primeira lacração, para as seguintes CNAEs: 4711301, 4711302 e 4712100.
1º/01/2017
  • Em substituição à Nota Fiscal de venda a consumidor (mod 2) para os contribuintes que faturaram R$ 81 mil ou mais em 2016; **
  • Prazo final para os postos de combustível cessarem TODOS os ECFs.
Após o prazo acima Em substituição à Nota Fiscal de venda a consumidor (mod 2) a partir do primeiro dia do ano subsequente àquele em que o contribuinte auferir receita bruta superior a R$ 81.000,00. **

(*) Introduzida pela Portaria CAT-92 de 13/08/2015.

(**) Introduzida pela Portaria CAT 108, de 10-11-2016

Equipamentos SAT: modelos homologados

Não basta apenas ter um equipamento SAT no seu estabelecimento, ele precisa ser homologado pela Sefaz.

Isso se dá, pois o objetivo desse sistema é reduzir o risco e a possibilidade de fraude e sonegação fiscal.

Então, é necessário que a Secretaria da Fazenda realize testes nos aparelhos para impedir possíveis ocultações tributárias.

Por isso, trouxemos uma lista de fabricantes e modelos que são autorizados pela SEFAZ-SP:

Fabricante CNPJ Modelos
Dimep 61.099.008/0001-41 D-SAT e D-SAT2.0
Sweda 53.485.215/0001-06 SS1000 e SS-2000
Tanca 08.723.218/0001-86 TS-1000
Gertec 03.654.119/0001-76 GerSat e GerSAT-W
Urano 88.979.042/0001-67 SAT UR e U-S@T
Elgin 14.200.166/0001-66 Linker e LinkerII
Bematech 27.101.611/0001-82 RB-1000 e RB-2000
Bematech Hardware 82.373.077/0001-71 s@t Go
Kryptus 05.761.098/0001-13 EASYS@T
Nitere 10.261.693/0001-20 NSAT4200
Daruma 45.170.289/0001-25 DS-100i
ControlID 08.238.299/0001-29 S@T-iD
CS Devices 30.832.338/0001-70 SATCR-A1
Jetway 32.333.764/0001-95 JS-1000

Qual é o melhor SAT fiscal?

Em resumo, o SAT fiscal é um sistema que utiliza um equipamento chamado s@t, utilizado para documentar as operações comerciais.

Enquanto o ECF – Emissor de Cupom Fiscal, possui um certo delay, o SAT fiscal consegue encaminhar as informações de forma mais eficiente.

Assim, gera e autentica as SAT CF-e, e envia as informações direto para a Secretaria da Fazenda, pela internet.

Dessa forma, as informações não são perdidas, o que reduz a possibilidade de fraude e de sonegação fiscal.

Atualmente, o aparelho é utilizado apenas no estado de São Paulo, mas existe a possibilidade de outros locais, como Santa Catarina e Ceará, passem a adotar o sistema.

Portanto, o SAT possui validade jurídica garantida pela assinatura de um certificado digital.

Vantagens do SAT

  • Simplifica os processos e, com isso, ajuda a reduzir custos, já que os equipamentos e a manutenção são de baixo custo;
  • Facilita o cumprimento de obrigações acessórias pelas empresas junto ao Ministério da Fazenda é facilitado;
  • Utilizando o SAT, é possível cancelar uma venda até 30 minutos depois que foi feita;
  • Com o sistema é possível consultar, de forma ágil, documentos fiscais. Isso por ser integrada ao Nota Fiscal Paulista;
  • Ele reduz a possibilidade de erros no envio, oferecendo maior segurança ao processo;
  • Diferente do ECF, o Sat Fiscal não precisa ter papel certificado, permitindo o uso de diferentes tipos de papel como opção para as empresas.

SAT CF-e

O SAT CF-e é um sistema que tem o intuito de substituir o ECF e simplificar ainda mais as operações.

Ele está ativo no Brasil desde 2014 e fornece a documentação, de forma eletrônica, de todas as operações e arquivos do varejista.  

Além disso, o SAT CF-e não necessita de conexão constante com a internet. 

É importante que a conexão exista, mas as transmissões podem ser feitas periodicamente.

O aparelho é mais barato que o ECF, e um único equipamento pode atender várias lojas.

Portal SAT

Como resultado, a Secretaria da Fazenda de São Paulo criou um portal em que o contribuinte, contabilista, judiciário e procurador podem fazer consultas.

Então, para acessá-lo é necessário especificar a qual dos perfis você pertence e aí informar a documentação necessária para confirmar o acesso.

Feito isso, você poderá consultar o site, tirar suas dúvidas e ter acessar os materiais atualizados.

Afinal, é necessário ficar por dentro das mudanças e atualizações, visto que isso envolve diretamente a Receita Federal.

Certamente, ninguém quer ser pego pela mordida do leão, não é mesmo? Então, sempre procure sobre as novas normas.

Esperamos que essas informações, tabelas e dicas tenham ajudado você a entender um pouco mais sobre a SAT fiscal.

Utilize um sistema para restaurantes para gerar seus cupons fiscais

A Saipos é um sistema de gestão para restaurantes que atua em diversos módulos de venda, oferecendo benefícios em todas as etapas dos seus processos.

O software da Saipos é a tecnologia que faltava para revolucionar o seu negócio, automatizando várias tarefas do dia a dia que consomem seu tempo.

Veja alguns dos benefícios do Sistema Saipos:

  • Emissão de cupom fiscal;
  • Controle financeiro a partir da ficha técnica;
  • Controle de estoque para lançar, em tempo real, tudo o que saiu e o que entrou;
  • Integração com os principais apps de delivery;
  • Impressão de comandas;
  • Gestão de clientes por meio de relatórios com dados e preferências da base;
  • PDV personalizado, permitindo que você atualize cardápio e outras informações sempre que necessário;
  • Gestão de pedidos e controle de motoboys;
  • Diferentes módulos, para Delivery, Balcão, Mesas ou Senha;
  • Comanda eletrônica e gestão de garçons.

Um sistema de gestão para seu restaurante, com certeza, terá um papel fundamental para o crescimento do seu negócio.

Por isso, não perca tempo e descubra mais vantagens de utilizar o sistema com o melhor custo-benefício do mercado. Aperte no banner e saiba mais!

Sistema para Restaurante Saipos
Sistema para Restaurante Saipos
Faça gestão de todos os setores do seu restaurante com apenas um clique. Não perca tempo, nem dinheiro.
QUERO SABER MAIS
SOLICITE UMA DEMO