Barca de sushi: o que preciso saber antes de vender?

Barca de sushi: 9 perguntas e respostas para vender delivery!

Barca de sushi é um produto que tem boa saída, porque a culinária japonesa é uma das mais famosas no Brasil, sendo um atrativo para diversas pessoas que buscam se deliciar com suas iguarias.

Então se você busca montar um estabelecimento delivery de barca de sushi e já tem a análise de mercado restaurante japonês em mãos, acompanhe este conteúdo.

Aqui falaremos sobre como fazer sushi, como organizar a montagem de barcas, o que incluir no seu cardápio, o serviço de entregas e muito mais. Confira!

1. Como montar barcas de sushi delivery?

A montagem de barca de sushi delivery é simples, apesar de ser um pouco diferente da servida em restaurantes.

Em sua montagem, invista em uma boa apresentação, com  disposição equilibrada dos produtos e a adição de pepinos e alfaces, gengibre, wasabi e outros ingredientes que ajudem na aparência da barca. 

Inclusive, é importante também enviar sachês de shoyu, molho tarê e hashi aos clientes. Esses acompanhamentos são indispensáveis, e se você quiser chamar atenção do seu público, é possível também incluir molhos extras no seu kit sushi delivery.

Uma boa dica é montar os sashimis em formato de flor e enfileirar os demais itens da barca de sushi.

E caso você ainda não tenha migrado para o delivery, aperte no banner abaixo e receba o e-book “8 Dicas para Adaptar seu Restaurante ao Delivery” gratuitamente.

2. O que tem numa barca de sushi?

Já sabemos que uma barca contém diversos tipos de sushi, mas quais não podem faltar no seu delivery?

Acompanhe a tabela a seguir para saber o que vem no combinado japonês que não pode faltar para os seus clientes.

10 tipos de sushi que não podem faltar no delivery

Niguiri

Consiste em um bolinho amassado com um pedaço de peixe por cima, podendo ser amarrado com nori ou não.

O peixe pode variar entre salmão, linguado, pargo, peixe-galo e robalo.

Inclusive, para algumas peças, há possibilidade de substituição do peixe por camarão ou outros frutos do mar.

Gunkan

O gunkan é feito com arroz e enrolado com nori, levando recheio no topo do sushi delivery.

Os recheios mais comuns incluem ovas de peixe, atum e salmão.

Temaki

Em formato de cone e recheado com arroz e salmão, também pode se apresentar com legumes, frutas ou outros frutos do mar.

É uma peça que chama bastante atenção nos combinados japoneses pelo seu tamanho e suculência.

Hot roll

Essa peça do kit sushi é empanada e frita, sendo recheada com arroz envolvidos no nori.

Também contém cream cheese e há possibilidade de adicionar vegetais ou frutos do mar.

Jyo

O jyo é uma peça que consiste em um bolinho de arroz envolvido por um fino filé de peixe. 

Ele é coberto por peixe picado ou ovas.

Esse sushi chama bastante atenção das pessoas porque não carrega nenhum tipo de nori em sua preparação.

Inclusive, uma pesquisa aponta que é uma das peças preferidas dos brasileiros.

Hossomaki

Essa peça é um rolinho pequeno que leva arroz envolvido por nori. 

Seu recheio pode ser de salmão, frutos do mar, linguado, legumes, vegetais ou outras frutas.

Ainda vale ressaltar que sua variação tradicional leva atum.

Uramaki

O uramaki é um tipo de sushi preparado de maneira inversa. Portanto, o arroz é quem envolve a folha de nori e o recheio. 

Seu recheio pode ser de manga, salmão com abacate, salmão e pepino ou outras composições.

Sashimi

O sashimi é uma iguaria da culinária japonesa que consiste do peixe cru.

Fatiado em pequenos pedaços, ele é servido puro, com o cliente tendo a opção de mergulhá-lo no shoyu e wasabi.

Além do peixe, também pode-se encontrar sashimi de polvo e lula.

Ceviche

O ceviche é um prato composto por peixe cru marinado em suco de limão.

Sua composição pode levar cebola roxa, um pouco de pimenta dedo-de-moça e salsa.

Rolinho primavera

O rolinho primavera é um prato bastante conhecido nos restaurantes japoneses e também deve fazer parte do delivery.

Preparado com os legumes da estação, é um rolinho crocante e também pode se apresentar com recheio de queijo ou carne.

 

Desde sashimis a rolinhos primavera, as opções são muitas. Porém, ao pensar no cardápio delivery do seu estabelecimento, considere disponibilizar mais de uma opção de barca.

Assim, os clientes do seu restaurante terão a oportunidade de solicitar o kit sushi que mais os agradam. 

Com uma variedade de barcas de sushi, você conquista mais clientes e realiza mais vendas.

3. O que mais incluir no cardápio do restaurante japonês delivery?

Assim como os combinados japoneses fazem sucesso entre o público, há outros pratos que chamam a atenção e que, inclusive, estão presentes nos tradicionais buffets de sushi. Esses pratos também devem fazer parte do cardápio do seu delivery.

Para conhecer quais são, confira a lista abaixo:

  • Tempurá: pedaços fritos de vegetais e mariscos, os quais são envoltos em um polme fino;
  • Yakissoba: típico da culinária japonesa, esse prato inclui macarrão próprio, tiras de carne ou frango, vegetais e um molho característico;
  • Guioza: bolinho recheado de carne moída e legumes envoltos por uma massa fina, é cozido no vapor e selado na frigideira;
  • Missoshiru: sopa de missô preparado com soja, hondashi, tofu, cebolinha e legumes;
  • Sunomono: esse prato leva pepino japonês, vinagre de arroz, sal e sementes de gergelim, sendo servido em pequenas porções;
  • Shimeji: o shimeji é um tipo de cogumelo e geralmente é preparado frito com cebolinha picada, óleo de coco e vinagre balsâmico;
  • Camarão e lula empanados: o camarão ou a lula são envoltos por uma camada de farinha de rosca e fritos;
  • Salmão grelhado: o salmão é temperado com sal e limão, sendo grelhado e servido com coentro picado;
  • Shogayaki: o prato tem como base carne branca ou vermelha frita no shoyu com gengibre;
  • Carpaccio: na culinária japonesa, o carpaccio é de peixe cru cortado em fatias finas e servido com óleo de gergelim, shoyu e cebolinha picada.

Também é interessante disponibilizar opções de sobremesa aos clientes de delivery, como o manju, o wagashi e o sanshoku dango.

E se você quer saber como estruturar o cardápio do seu restaurante, aperte no banner a seguir e ganhe, gratuitamente, o e-book “Como Montar um Cardápio” agora.

4. Quais as melhores embalagens para barca de sushi?

Apesar de haver diversas opções no mercado, a  embalagem para barca de sushi é de plástico e deve ser bem lacrada. Assim, garante a conservação e qualidade do produto

Inclusive, a embalagem para sushi pode se apresentar em uma variedade de tamanhos e formatos, por exemplo:

  • Retangular pequena;
  • Quadrada grande;
  • Em formato de barca.

Por outro lado, os pratos quentes geralmente são enviados em embalagens de isopor.

Atualmente, a embalagem ecológica tem ganhado espaço no mercado por sua composição ser menos agressiva ao meio ambiente. Elas são recicláveis e o material é reaproveitado para confecção de novos produtos.

Sendo assim, as embalagens eco-friendly também são uma excelente opção para investir no seu delivery. Apenas se atente a respeito da conservação dos alimentos no momento da entrega.

Agora, se você busca por uma embalagem de sushi personalizada, o mais recomendado é entrar em contato com uma gráfica. É possível encontrar na sua própria cidade ou na internet.

Antes de continuarmos, confira esse vídeo para se atentar aos erros para não cometer no seu restaurante de sushi!

Vídeo - Saipos

5. Quanto preciso investir para vender barca de sushi delivery?

Atualmente, se você busca montar um sushi delivery, o valor investido é consideravelmente baixo caso já tenha os equipamentos mais caros.

Se esse é o seu caso, o investimento gira em torno de R$ 1.000,00. Caso contrário, é necessário comprar os seguintes itens:

  • Fogão;
  • Geladeira;
  • Freezer;
  • Conjunto de facas para sushi;
  • Esteira para enrolar as peças e tábua de corte;
  • Shamoji.

Para ter certeza do valor, considere os itens citados acima, além das embalagens e da mensalidade de aplicativos de entrega a domicílio.

6. Quais são os desafios de vender sushi delivery?

O principal desafio de vender sushi delivery é garantir que a entrega do produto seja realizada com eficiência ao cliente.

Por se tratar de um alimento delicado, os entregadores devem ter cuidado redobrado com a embalagem e os produtos.

Porém, quando se trata dos desafios iniciais do negócio delivery, pode-se incluir: 

  • A elaboração do cardápio da barca de sushi;
  • A divulgação do delivery;
  • A conquista de novos clientes.

Esses desafios são facilmente contornados quando você sabe o que incluir no cardápio e investe em um bom aplicativo e sistema de gestão para delivery. O uso da tecnologia é, inclusive, uma das principais dicas para restaurante japonês.

7. Quanto posso lucrar vendendo barca de sushi delivery?

A margem de lucro líquido de um estabelecimento que vende barca de sushi delivery gira em torno de 18% e 20%.

Então se você busca visualizar a lucratividade do seu delivery, é possível realizá-la por meio do seguinte passo a passo:

  1. Liste e some todas as despesas do seu delivery;
  2. Verifique o volume total de vendas;
  3. Calcule a margem de lucro subtraindo o valor das despesas pelo valor das vendas totais.

Caso queira saber o valor em percentual, basta dividir a margem de lucro pelo valor das despesas e multiplicar por 100.

Por exemplo:

  1. Despesas mensais: R$ 50 mil;
  2. Total de vendas: R$ 70 mil;
  3. Lucro mensal: R$ 70 mil - R$ 50 mil = R$ 20 mil;
  4. Porcentagem do lucro: (R$ 20 mil / R$ 70 mil) x 100 = 28,5%.

8. Quais cuidados preciso ter com os apps de delivery?

Quando se está presente nos aplicativos de delivery, há alguns cuidados que precisa haver para vender barca de sushi. Conheça quais são a seguir:

  • Escolha as embalagens corretas para armazenamento das peças no momento da entrega;
  • Solicite que o entregador seja cuidadoso com o pacote durante o tráfego;
  • Inclua uma descrição dos produtos e os ingredientes utilizados em sua composição;
  • Compartilhe imagens reais dos produtos do seu estabelecimento na página do aplicativo;
  • Realize uma boa divulgação do seu delivery nos aplicativos para alcançar mais pessoas e fazer o nome do seu restaurante;
  • Preste atenção no momento de estipular valores promocionais para não acarretar em prejuízos para seu empreendimento;
  • Sempre tenha um dispositivo móvel em mãos para acompanhar as solicitações de pedidos e conversas com clientes nos aplicativos.

9. É recomendado o uso de um sistema de gestão para vender barca de sushi delivery?

Sim! Por meio de um sistema para restaurante japonês, torna-se possível automatizar os processos do seu estabelecimento. Assim, o preparo e a entrega são mais ágeis e eficientes.

Com isso, mais clientes são alcançados e conquistados para o seu delivery. Inclusive, outros benefícios ao optar por um sistema de gestão incluem:

  • Aumento da visibilidade do seu restaurante de barca de sushi delivery;
  • Impulsionamento da lucratividade do estabelecimento;
  • Clientes satisfeitos com o seu serviço e fidelizados;
  • Economia na organização da operação, entre outros.

Com o sistema de gestão Saipos, você consegue realizar a gestão de pedidos e de entregadores, assim como controlar as vendas e o financeiro, e mais.

Então se você quer vender barca de sushi delivery e obter bons resultados a partir do negócio, aperte no banner abaixo e se beneficie das vantagens do sistema da Saipos.

Mari Taketa - Publicitária e redatora de conteúdo web.
Escrito porMari Taketa

Publicitária e redatora de conteúdo web.

Sistema para Sushi