Como vender sushi a domicílio? 5 dicas de sucesso

Como vender sushi a domicílio? 5 dicas de sucesso

Para você que deseja vender sushi a domicilio, iremos te ajudar a entender como esse mercado funciona, o potencial e como começar um negócio com sucesso.

Então, você estando disposto a se dedicar pelo seu projeto, saiba que ele terá de tudo para ser um sucesso.

Siga nossas dicas dicas restaurante japonês e você já sairá na frente de seus concorrentes.

Entenda que todo negócio exige esforço, dedicação e persistência, isso fará com que você esteja um passo à frente.

Corra atrás de conteúdo de qualidade que fará com que a sua empresa já saia do papel com resultados.

Preparado para conferir os segredinhos que vamos te contar? Mas antes, aperte no banner e baixe grátis o eBook “Como migrar para o delivery”!

Como montar um negócio de sushi a domicilio?

A primeira pergunta que você deve se fazer é se quer montar um negócio de sushi porque acredita que a área tem potencial ou está apenas se arriscando.

Essa avaliação deve ser feita porque é fundamental que você acredite em seu projeto.

Ao falarmos de um sistema de entrega de comida, temos perspectivas extremamente animadoras, já que os brasileiros estão cada dia mais criando hábitos de pedir comida em casa ou no escritório.

A comida oriental no geral, principalmente a japonesa, é super recebida pelos brasileiros.

As pessoas realmente gostam e estão acostumadas a pagar preços mais caros para terem o prazer de degustá-las em casa.

Um dos principais pontos ao decidir vender sushi  via delivery,  é acreditar em seu projeto.

Sim, vender sushi por delivery dá dinheiro, mas nem todas as pessoas têm disposição para fazerem com que o negócio dê certo.

1. Saiba tudo sobre os preços e custos que envolvem seu negócio

Por mais que seja uma culinária estrangeira, os ingredientes da comida japonesa costumam ser baratos.

Assim você gastará menos de R$7 reais para fazer uma comida que pode ser vendida por R$18.

Para iniciar o seu negócio, não é necessário um grande investimento inicial.

Ao realizar um curso de Sushi, você mesmo poderá ser o Sushiman de seu restaurante, sem a necessidade de contratar alguém para essa função.

Também não é necessário ter um espaço grande para abrir um sushi a domicilio, já que um espaço de atendimento não é preciso.

Entender os preços de cada item é fundamental. Se você é o dono de um sushi delivery alto padrão e tem essa noção, irá perceber sempre quando o preço de algum produto não é justo.

Isso possibilita que os valores sejam negociados e você percebe de longe quando algum fornecedor está cobrando preços abusivos.

  • Saiba mais sobre como calcular o preço de um sushi clicando aqui.

2.Tenha bons equipamentos para fazer sushi

Os equipamentos necessários vão desde a área administrativa, passando pela cozinha e indo até a entrega.

Então, é fundamental que você tenha um computador, uma boa internet e um break conectado a ele e ao telefone.

Por isso, possuir eficiência em seu serviço de atendimento é elementar para reter os seus clientes.

Em relação a produção, você vai precisar de utensílios de cozinha comuns e outros específicos para a culinária japonesa como:

  • Hashis (aqueles pauzinhos);
  • Esteira de bambu;
  • Faca para sushi;
  • Faca para limpar peixe;
  • Tábua de polietileno;
  • Pinça para retirar os espinhos do salmão.

Dica Extra: Como fazer sushi

Pode parecer complicado fazer sushi, mas iremos te mostrar que não é nenhum bicho de sete cabeças.

Como fazer o arroz:

  • Lave o arroz até que a água saia menos leitosa;
  • Coloque para cozinhar em água fria (3 chávenas);
  • Adicione o Kumbu e o retire assim que o arroz começar a secar;
  • Temperos: Kumbu e saquê;
  • Cozinhe o arroz em lume brando;
  • Estando bem macio o retire da panela.
  • Leve em uma panela ao lume, misturando sempre para derreter tudo, mas não o deixe ferver.

Como preparar o arroz para a culinária japonesa:

  • Ponha o arroz cozido ainda quente em uma bacia e adicione o tempero;
  • Prove o arroz para decidir a quantidade;
  • Mexa-o como se estivesse o cortando;
  • Antes de preparar os rolos, deixe arrefecer bem o arroz.

Modo de preparo dos recheios:

  • Ponha o peixe em tiras de 1cm de largura e espessura;
  • Pode usar peixe congelado ou para descongelá-lo é indicado descongelar em água fria;
  • Corte os Kanis ao meio, também com 1 cm de largura e espessura;
  • Descasque o pepino japonês e o corte em tiras;
  • Não use as sementes;
  • Corte a cebolinha verde em tiras finas;
  • Corte as frutas em tiras finas.

Para enrolar:

  • Ponha a alga Nori sobre a esteira de bambu com a parte brilhante para baixo;
  • Molhe as suas mãos no vinagre de arroz e espalhe sobre a alga;
  • Não deixa mais de 0,5 cm de espessura;
  • Na outra borda, deixe 2 cm sem arroz;
  • Coloque o recheio sobre o arroz próximo a borda de 0,5 cm onde foi passado o wassabi;
  • Enrole com cuidado o sushi e faça com que a ponta fique por baixo do recheio;
  • Aperte bem para não ficar mole;
  • Enrole até o final e caso seja necessário, passe o dedo com água na parte da alga que sobre para não colar;
  • Coloque na bandeja com a "emenda"para baixo, colando bem.

3. Invista em um marketing eficiente

Para quem trabalha com sushi a domicilio é fundamental fazer uma boa divulgação com marketing para restaurante. Isso porque, quando se tem um espaço físico, ele próprio já se divulga.

No entanto, se você não tem um local de atendimento, precisa aparecer de alguma forma. 

Para isso, é importante se apropriar das redes sociais e marcar território, com uma identidade visual interessante e posts que atraiam seus clientes.

Investir em vídeos - que podem ser mesmo os caseiros - é muito interessante, principalmente quando mostra o preparo dos pratos.

Isso aumenta a confiança do cliente sobre o seu negócio, e consequentemente, o a sua lucratividade restaurante japonês.

Panfletos e folders ainda podem ser utilizados, mas em menor escala e apenas como um complemento para as outras estratégias.

Site próprio para sushi a domicilio

Um Sistema de Gestão, com site próprio, como o da Saipos, traz muita credibilidade e profissionalismo a qualquer restaurante. No caso de um sushi a domicilio, essas ferramentas podem ajudar no ganho de clientes.

Mas além desse ponto, um site é funcional e auxilia no processo de vendas, garantindo economia para você, que não precisa pagar taxas, e praticidade para o freguês.

Conheça o Sistema Saipos e surpreenda-se. Aperte no banner para saber mais!

4. Planejamento na ponta do lápis

Para quem trabalha com sushi a domicilio é fundamental ter tudo bem planejado para não acabar no prejuízo.

Algumas pessoas têm dificuldade em controlar o estoque no início do empreendimento, e acaba deixando os ingredientes vencerem, comprando uma quantidade muito maior.

Com o passar do tempo, o empreendedor pode se ver em um limbo, sem saber como realmente está o faturamento do negócio.

Isso tem ligação com a parte financeira e com toda a expectativa de crescimento do delivery.

Já que apenas com um planejamento a curto, médio e longo prazo é possível mensurar se as coisas estão indo bem, ou ainda  precisam melhorar.

Então fique ligado porque existem erros para não cometer em um restaurante de sushi, e o planejamento ajuda a evitá-los.

O ideal é já ter todos os objetivos estruturados no início do negócio juntamente com a análise de mercado e o plano de negócios sushi delivery.

5. Entrega de qualidade

Para trabalhar com sushi a domicílio é necessário desprender muita atenção para a entrega, já que esse é o único ponto de contato direto com o cliente.

Por isso é necessário estar atento ao cuidado com a forma que a comida japonesa chega até o comprador.

As embalagens precisam demonstrar o cuidado com o alimento e manter a temperatura. Outro ponto fundamental é entregar de acordo com o prazo estipulado.

Se você optar pelos aplicativos de entrega de comida, deverá ter tudo pronto no momento da chegada do entregador.

Sistema Saipos

O sistema para restaurante japonês da SAIPOS é a melhor opção, já que oferece funcionalidades para todas as etapas de processo do seu negócio.

E além disso, você pode integrar o seu sistema com o iFood, Rappi, Uber Eats e outros.

Quer conhecer mais sobre o melhor Sistema para Restaurantes de Sushi? Aperte no banner e saiba mais!