Gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria: dicas para gestores!

Como fazer a gestão de uma pizzaria e hamburgueria?

Você pode realizar uma gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria com ações como uma gestão financeira com controle de fluxo de caixa e vendas, definição de estratégias, treinamento de equipe e estratégias para se prevenir de ameaças e crises.

Realizar essas ações provavelmente vai garantir o seu negócio aberto, lucrando e crescendo.

Gestão eficaz é fazer a administração da hamburgueria e pizzaria visando a lucratividade e crescimento da empresa. 

Ou seja, você não apenas paga as suas contas, mas também tem objetivos e metas para expandir e alcançar ainda mais no mercado. 

Para isso, continue a leitura para aprender tudo o que você precisa. Veja a seguir como fazer a gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria

  • Saiba registrar e controlar o fluxo de caixa;
  • Analise suas finanças;
  • Determine objetivos e metas claras;
  • Saiba como treinar sua equipe para a gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria;
  • Adote estratégias para driblar a inflação;
  • Conheça as linhas de crédito para pizzaria e hamburgueria;
  • Saiba pagar e negociar suas dívidas; 
  • Utilize um sistema de gestão.

O estoque é uma das áreas que você precisa organizar para alcançar resultados melhores na sua empresa do ramo de alimentos. 

Para isso, a planilha de controle de estoque da Saipos pode ajudá-lo. Clique no banner para fazer o download gratuito.

Saiba registrar e controlar o fluxo de caixa

Fazer o fluxo de caixa é essencial para a saúde financeira do seu negócio. É por meio desse controle que você saberá qual a sua situação atual e em que precisa melhorar. 

Muitas empresas não realizam esse controle ou, quando o fazem, não anotam tudo. 

O resultado é que os gestores nunca sabem ao certo quanto está entrando e saindo do caixa e isso prejudica muito a gestão financeira

Ao saber exatamente as entradas, custos e despesas do seu caixa, é possível se preparar para ter o dinheiro necessário em determinado período de pagamento de contas, por exemplo. 

Por fim, controlar o caixa é o primeiro passo para construir um capital de giro, ou seja, um ativo circulante que você utilizará para sanar as obrigações da sua empresa e realizar novos investimentos. 

Como fazer fluxo de caixa para pizzaria e hamburgueria? 

Para fazer o Fluxo de Caixa você pode utilizar uma planilha ou um sistema de gestão. Esses sistemas integram o fluxo de caixa com o de vendas, facilitando o dia a dia do negócio. 

O fluxo de caixa conta, basicamente, com as entradas e saídas de dinheiro. Então, você pode categorizar para facilitar o entendimento.

O que são as entradas no fluxo de caixa de pizzaria e hamburgueria? 

  • Vendas no dinheiro; 
  • Vendas no cartão de débito; 
  • Vendas no cartão de crédito; 
  • Pagamentos online; 
  • PIX; 
  • Outras entradas (por exemplo, a venda de um equipamento que não está mais utilizando).

O que são as saídas no fluxo de caixa? 

  • Fornecedores (você pode categorizar por área, exemplo: limpeza, cozinha, copa);
  • Folha de pagamento; 
  • Pró-labore;
  • Simples Nacional;
  • Aluguel;
  • Água;
  • Luz;
  • Gás;
  • Internet; 
  • Telefone;
  • Contador; 
  • Provisão de férias; 
  • Provisão de 13º de funcionários; 
  • Verbas para rescisão;
  • Empréstimos bancários; 
  • Outros pagamentos (compra de equipamentos, manutenção, combustível etc).

Anotando tudo isso você, com certeza, conseguirá entender também quais os melhores dias de vendas do seu negócio e entender em que pode direcionar esforços para economizar. 

Portanto, ao realizar o Fluxo de Caixa será possível atuar com uma gestão eficaz de sua pizzaria e hamburgueria

Afinal, você estará agindo de acordo com dados reais e não estimativas ou expectativas. 

Entendeu a importância? Então, baixe agora a Planilha de Fluxo de Caixa que a Saipos preparou para você e comece agora mesmo. Clique para fazer o download gratuitamente.

Analise suas finanças 

Analisar as finanças significa observar se há gastos desnecessários e se há ações que podem ser feitas para melhorar seus resultados. E, a partir disso, é possível determinar objetivos e metas a serem atingidas. 

Por exemplo, você pode observar que a conta de água e luz subiu demais e analisar se é preciso fazer manutenção dos equipamentos, já que isso melhora a eficiência desses aparelhos.

Também é possível perceber que aumentou o gasto com determinados fornecedores e, então, buscar novas alternativas. 

Ou, ainda, verificar a viabilidade de um novo colaborador, pois aumentou a necessidade de freelancers.

Olhando as contas de maneira anual ou semestral é possível determinar objetivos ainda mais importantes. 

Por exemplo: o recomendado por especialistas é que o Custo por Mercadoria e o Custo de Mão-de-Obra não pode ultrapassar 60% do faturamento. 

Caso você verifique que está ultrapassando, pode ser hora de rever sua precificação, além de contar com novos fornecedores. 

Analisar as finanças é essencial para definir metas e objetivos, que é o tema do próximo tópico. 

Determine objetivos e metas claras 

Com um fluxo de caixa organizado, é possível analisar suas finanças e, a partir disso, determinar metas e objetivos que farão a sua pizzaria ou hamburgueria crescer e lucrar mais. 

Essas metas têm tudo a ver com gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria, já que você saberá quais os próximos passos da sua empresa. 

Assim, nenhuma ação será em vão. Se você fizer um esforço para contratar uma pessoa nova, para alterar o cardápio ou para cotar novos fornecedores, terá a certeza de estar direcionando energia para uma área importante para a empresa naquele momento

Mas atenção: seja realista com suas metas e objetivos. Uma meta precisa, antes de tudo, ser mensurável e atingível

Além disso, também deve ser específica, relevante para o negócio e ter um prazo para alcançá-la. 

Dessa forma, você estará no caminho de uma gestão realmente eficaz para a sua empresa! 

Saiba como treinar sua equipe para a gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria

Uma gestão eficaz também precisa estar atenta à produtividade e qualidade de sua equipe de trabalho. Não adianta ter excelentes controles financeiros, metas e objetivos, se a sua equipe não conseguir entregar ao cliente a qualidade de seus produtos e serviços. 

Por isso, você precisa se preocupar com a motivação e treinamento da sua equipe. Além do mais, melhorar o seu atendimento vai atrair mais clientes, aumentar seu faturamento e lucratividade. 

Para treinar a sua equipe é possível realizar reuniões de alinhamento, definir manuais e checklists que padronizam o atendimento. Assim, cada um saberá o que deve fazer em sua função. 

Outra atitude é compartilhar com os funcionários algumas das metas do negócio. Por exemplo, você pode definir a meta de aumentar o faturamento em X% em certo período e, se atingir, os colaboradores receberão um bônus. 

É claro que, nessa situação, você precisa explicar como eles podem contribuir e fazer a sua parte também.

Assim, eles se sentirão parte da estratégia e trabalharão para o bem de si próprios, mas também da empresa. 

Adote estratégias para driblar a inflação 

Impossível falar da gestão do ramo de bares e restaurantes sem falar dos períodos de inflação alta, não é mesmo? Afinal, ela afeta o preço da sua matéria-prima e, consequentemente, a sua lucratividade.

Como driblar a inflação e continuar lucrando? Algumas estratégias podem ser adotadas para se proteger, como: 

Faça controle de estoque 

O controle de estoque vai garantir que você, não apenas, evite o desperdício, mas saiba o que comprar para aproveitar promoções. Produtos não-perecíveis podem ser comprados em maior quantidade para garantir descontos melhores, por exemplo. Com um bom controle de estoque você saberá, também, quanto tempo cada produto tende a ficar estocado até estragar, realizando compras nas quantidades ideais

Renegocie com fornecedores

Para evitar repassar todo o aumento inflacionário para o cliente, você pode negociar com fornecedores e buscar prazos maiores para pagamento. Essa é uma estratégia para “ganhar” alguns meses e aumentar seus preços de maneira mais gradativa, sem causar tanto impacto para o consumidor. 

Precifique considerando a inflação 

É possível estimar o quanto a inflação vai aumentar em certo período e você pode precificar de acordo com isso. Assim, você ganhará um pouquinho a mais agora, podendo criar promoções mais frequentes para atrair clientes, e depois, quando os preços subirem, a empresa manterá uma boa lucratividade, só diminuindo o número de promoções e mantendo a clientela que você já conquistou. 

Faça mudanças estratégicas no cardápio 

Não diminua a qualidade dos seus produtos, mas faça mudanças estratégicas. Tem um produto que a lucratividade é menor? Deixe ele mais “escondido” no cardápio, destacando aquele que lhe oferece uma lucratividade melhor. Incluir itens como sobremesa, café e sucos também é interessante, porque esses produtos costumam ter boa margem de lucro

Essas estratégias, alinhadas a outras ações de gestão eficaz, podem ser o diferencial entre um negócio que se mantém de portas abertas e um que precisa fechar as portas em situações de crise. 

Conheça as linhas de crédito para pizzaria e hamburgueria

Em alguns momentos, principalmente quando você vai abrir a sua pizzaria e hamburgueria, é necessário realizar empréstimos. 

Em momentos de crise, ou quando algum gasto a mais aparece, também pode ser necessário recorrer a alguma linha de crédito. 

Nesses casos, a principal dica é ficar atento aos juros, pois eles podem variar muito, principalmente em períodos de crises.

Os melhores empréstimos para micro e pequenas empresas são aqueles que são possíveis de ser pagos. Mas há algumas linhas de créditos mais vantajosas que outras.

Confira a seguir algumas das opções de empréstimos para bares e restaurantes, inclusive pizzarias e hamburguerias.

LINHA DE CRÉDITO 

A QUEM SE DESTINA

PRAZO

JUROS

Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe): programa do Governo Federal criado em 2020 de apoio a Micro e pequenas empresas.

Micro e pequenas empresas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões 

48 meses

6% ao ano + Selic

MovilePay: conta digital do Ifood que disponibiliza crédito curto, depositado na conta do proprietário do negócio.

Estabelecimentos do Ifood 

1 mês 

1,79% a 1,99% 

Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado (PNMPO): fundo de Amparo ao Trabalhador operado pelo  Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco do Nordeste, Banco da Amazônia e Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES).

Pessoas físicas ou jurídicas com receita bruta anual igual ou inferior a R$ 200 mil 

A definir* 

A definir* 

Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe): fundo oferecido em parceria entre Caixa e Sebrae para capital de giro.

MEI, ME, EPP e Pequenas Agroindústrias formalizadas com pelo menos 12 meses de faturamento

Carência de até 12 meses para começar a pagar. Prazo a definir.  

Entre 1,19% a 1,59% ao mês 

Banco do Brasil: linhas de créditos para micro e pequenos negócios oferecida pelo banco para capital de giro e linha de antecipação de recebíveis.

Micro e pequenas empresas (faturamento anual de até R$ 4,8 milhões)

6 meses de carência e até 48 meses para pagar 

A definir* 

BB Financiamentos: linha do Banco do Brasil direcionada para aquisição de bens de capital (equipamentos ou veículos) 

Micro e pequenas empresas (faturamento anual de até R$ 4,8 milhões)

6 meses de carência e até 60 meses para pagar 

A definir* 

Fungetur: linha da Caixa para empréstimos para capital de giro. 

Empresas do ramo de turismo, inclusive bares e restaurantes, desde que cadastrados no Cadastur do Ministério do Turismo 

12 meses de carência e até 60 meses para pagar 

5% ao ano + Selic

Itaú: linha do Itaú destinada a capital de giro. 

Micro, Pequenas e médias empresas 

5 meses de carência e até 60 meses para pagar 

A definir*

*Depende de análise de crédito do proprietário do negócio.

Outros empréstimos disponíveis são os oferecidos por fintechs de crédito. Essas empresas reúnem tecnologia e financeiro, para oferecer empréstimos para pessoas físicas e jurídicas.

Alguns exemplos de fintechs de crédito: BizCapital, Creditas, Nexoos, Geru e Bom Pra Crédito. 

Saiba pagar e negociar suas dívidas 

Um erro muito comum dos gestores de pizzarias e hamburguerias é realizar empréstimos, mas não incluir as parcelas reais em seu fluxo de caixa. 

Além disso, muitos não consideram que os juros podem aumentar antes que a conta seja paga. 

Por isso, para decidir as melhores linhas de crédito para seu restaurante, sempre fique atento às notícias para entender qual o cenário previsto para não ter surpresas no futuro. 

Por exemplo: os empréstimos que têm a Selic como referência tiveram um aumento expressivo de 2020 para 2021.

Em 2020, a taxa Selic era de 3,5% ao ano, mas em 2021 ela fechou em 11,25% ao ano. Isso significa que praticamente quadruplicou o custo do crédito para aqueles que fizeram empréstimos no ano anterior. 

O resultado é que muitos donos de negócios, sem considerar esse possível aumento, não conseguiram cumprir com suas obrigações e agora estão com dívidas. 

Como resolver, então? A renegociação é sempre o melhor caminho para começar a organizar as finanças

Jamais deixe uma dívida sem negociação, pois isso pode prejudicar a busca por novos créditos, tanto para o negócio, quanto para os sócios da empresa. 

Utilize um sistema de gestão 

A dica final é para você buscar facilitar o seu dia a dia por meio de um programa de gestão de restaurantes. 

Esses programas centralizam todas as informações em um só lugar, compilando dados e fazendo contas automaticamente. 

Isso diminui erros e agiliza a rotina do gestor do negócio, permitindo desenvolver uma gestão eficaz da sua hamburgueria e pizzaria. 

Por exemplo, o Sistema para Restaurantes da Saipos é capaz de promover a integração de diversas áreas da sua empresa. Ele oferece: 

  • Fluxo de Caixa;
  • Controle de vendas; 
  • Controle de estoque;
  • Geração de relatórios variados;
  • Demonstração de Resultados no Exercício – DRE;
  • Integração com os principais aplicativos de delivery;
  • Site próprio para Delivery e sem taxas;
  • Comanda digital;
  • Monitor KDS.

Ou seja, com o sistema Saipos é possível fazer uma gestão eficaz de uma pizzaria e hamburgueria. 

Quer saber mais sobre este software tão interessante? Clique no banner abaixo e confira mais detalhes.

Liandra Cordeiro - Jornalista pela UEPG, especialista em Assessoria de Comunicação e Marketing, redatora SEO.
Escrito porLiandra Cordeiro

Jornalista pela UEPG, especialista em Assessoria de Comunicação e Marketing, redatora SEO.

BAIXE GRÁTIS: e-book sobre Fluxo de Caixa!